RSS
Este blog não tem grandes pretensões! É apenas o meu espaço para dizer o que penso, sem que ninguém me interrompa antes que eu conclua minhas idéias. ...risos... Seja bem-vindo!

quinta-feira, 18 de novembro de 2010

“Caçadas de Pedrinho” e O Racismo de Lobato

Que nosso estimado Monteiro Lobato era racista, ninguém pode negar! Mas ele vem de uma época em que o racismo não era crime e fazia parte da nossa cultura. Muitos que lutaram pela abolição da escravatura, apesar de defenderem os negros, jamais permitiriam que seus filhos se casassem com um. Aliás, até nos dias de hoje se vêem muitos desses defensores que torceriam o nariz para um genro ou nora negros. Difícil é admitir  para si mesmo – para os outros é inadmissível e passível de punição legal – que se é preconceituoso.
Lobato escreveu uma carta ao seu amigo Tito, em 1905, onde dizia  “ser impossível civilizar e corrigir o povo brasileiro, devido ao fatalismo das inclinações, dos pendores, herdados com o sangue e depurados pelo meio.” E ainda, “que apenas uma injeção de sangue da raça mais superior (ou seja, a emigração oriunda de países europeus) asseguraria o futuro do país.” Se esta carta, onde chama de "patriota" ao brasileiro que se casasse com "italiana ou alemã", fosse interceptada nos dias de hoje, ele seria, indubitavelmente, processado e suas obras condenadas à poeira do esquecimento. Graças a Deus ele era um racista que podia ser racista, pois apenas refletia o pensamento de sua época! Caso contrário não conheceríamos o Pedrinho, a Narizinho, a “Macaca de Carvão”, quer dizer, Tia Anastácia , ou ainda meu querido Jeca Tatu!
Basta observamos as manifestações contra nordestinos publicadas na internet logo após as eleições, para constatar que quase um século depois do nosso saudoso escritor, ainda vemos pensamentos como o dele na época. Sou capaz de garantir que ele já teria revisto seus conceitos e revisado algumas de suas obras, principalmente, O Presidente Negro -  O Choque das Raças (1926) se ainda vivesse. Ah, se ele visse Obama!
O livro infantil Caçadas de Pedrinho, publicado em 1933, relata uma expedição organizada pelos nossos heróis Pedrinho e Narizinho...

terça-feira, 16 de novembro de 2010

ENEM vem que não tem! – Chega de politicagem!!!

enem 01
Em 1998 o Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) foi aplicado pela primeira vez, com a finalidade de avaliar o desempenho do aluno ao fim da educação básica. Em sua primeira versão, cerca de 157 mil estudantes participaram da prova. A popularidade do Enem começou a se delinear a partir de 2005, quando se tornou um pré-requisito para os estudantes interessados em uma bolsa no Programa Universidade para Todos (ProUni), um sistema de benefício aos estudantes de baixa renda que não têm condição de pagar uma faculdade particular. O programa distribui bolsa integral, para estudantes que possuam renda familiar de até um salário mínimo e meio (R$ 765,00); bolsa parcial de 50% para estudantes que possuam renda familiar de até três salários mínimos (R$ 1.530,00) e a bolsa de 25% para estudantes que possuam renda familiar de até três salários mínimos, concedidas somente para cursos com mensalidade de até R$ 200,00.
Em 2009 o Ministério da Educação propôs às universidades federais um vestibular unificado por meio do Enem. Foram criadas então 47 mil vagas, nas mais de 50 universidades que aderiram à ideia. A gráfica da Folha de São Paulo, que recebeu R$ 60 milhões para imprimir as provas, deixou vazar o exame, e todo o processo precisou ser refeito, causando imensos transtornos aos estudantes, as universidades e ao Governo Federal. Na ocasião o Ministro da Educação também foi atacado e a imprensa tentou atribuir o erro a um funcionário do INEP. A investigação da Polícia Federal...

quarta-feira, 3 de novembro de 2010

O Povo de Norte a Sul elegeu Dilma Rousseff - Por que o preconceito então?

DILMA VENCE
Demorei para falar alguma coisa, não é? Na verdade minha alegria com a vitória de Dilma se misturou com a vergonha diante do ataque impiedoso ao povo nordestino nas redes sociais. Lamentável!
Minha militância voluntária chegou ao fim, juntamente com uma das campanhas presidenciais mais sórdidas que já vi em toda a minha vida. Era de se esperar que uma campanha onde  o preconceito, a intolerância, o retrocesso, o revanchismo, o denuncismo mentiroso, a xenofobia, a homofobia e outros sórdidos mecanismos usados por um dos candidatos, deixasse resquícios de ódio e  preconceito...
Twitter_Preconceito


















O Nordeste brasileiro, região mais beneficiada pelos programas sociais federais, pelo crescimento econômico dos últimos anos e pela política de aumento do salário mínimo acima da inflação, votou em peso pela continuidade da política do governo de Lula. Embora muitos apoiadores de uma sociedade classista e excludente atribuissem a vitória de Dilma naquela região à ignorância do povo que “se vendia por esmolas do Governo Federal”, a verdade destruiu mais um de seus escandalosos argumentos. Foram fatos comprovadamente muito superiores ao bolsa-família que deram a expressiva vitória da candidata naquela região.  A professora Tânia Bacelar, da Universidade Federal de Pernambuco cita os produtos da administração Lula que explicam o fenômeno da adesão do Nordeste a Lula e a Dilma: “O crescimento do mercado varejista; o investimento maçiço da Petrobrás na região, a começar pela refinaria Abreu e Lima, em Suape; Os investimentos do PAC; A Transnordestina; Pecem; Os estaleiros; a agricultura familiar; os três de quatro empregos gerados no meio rural de todo o Brasil; o crescimento do emprego formal, superando a taxa de todo o restante do país.” Mas é de praxe no Brasil: o governo que ousa beneficiar o mais carente é sumariamente acusado de ser “populista” e seus beneficiários, pobres coitados usados como “massa de manobra”. Mas não podemos esquecer que foi a nossa imprensa quem começou toda esta história! Lembram-se da matéria da revista Veja que me fez repudiar o semanário?
[veja04[4].jpg]
O que calou de vez estes facínoras, “adoradores de Hitler”, foi a conclusão de que  mesmo que todo o Norte e Nordeste fosse amordaçado, proibido de ir às urnas no último dia 31 de outubro, ainda assim Dilma seria a Presidenta do Brasil. O Rio de Janeiro e Minas Gerais, onde votam 44% dos eleitores do País, deram larga vantagem a Dilma. Ela teve 58% dos votos de Minas Gerais, mais de 60% dos votos do Rio de Janeiro, 49% no Espírito Santo e  ainda 45% dos votos em São Paulo, o que lhe garantiu  a vitória no Sudeste.  Já no Sul, onde perdeu, ela conseguiu o apoio de 49% da população do Rio Grande do Sul,  44% da população do Paraná e 43% da população de Santa Catarina. Logo, mesmo que se excluíssem os números do Norte e do Nordeste, Dilma teria sido a escolhida pelo restante do país, para ser sua representante legal. Claro que a diferença seria bem menor e esta expressiva vitória não teria o mesmo brilho!
Agora o que mais me chama a atenção nas pessoas acima, que ousaram se expor deste jeito, ignorando a lei e confiando na impunidade, é o fato de a maioria deles serem típicos brasileiros, como se pode observar pela cor da pele e os traços físicos. Qualquer um deles seria prontamente enviado a um campo de concentração, sem dó nem piedade, pelo nazista que parecem apoiar e admirar. Que vergonha! Fácil perceber o porquê dos inúmeros emails preconceituosos e mentirosos que encheram nossas caixas, não é? Evidente que a maioria dos eleitores do candidato José Serra não compartilham da mesma opinião destes fascistas, e muitos outros sequer podiam imaginar que por trás desta sórdida campanha se escondia este tipo de pessoa.
O  mais importante, e motivo de orgulho,  é que imediatamente um número muito superior de brasileiros, eleitores de Serra e de Dilma, repudiaram o ato degradante e vergonhoso. A estudante de – pasmem! – direito, Mayara Petruso, deverá responder por crime de racismo (pena de dois a cinco anos de prisão, mais multa) e incitação pública de prática de crime, no caso homicídio,  segundo o presidente da OAB-PE, Henrique Mariano. Quanto aos outros cidadãos, se é que se pode referir a esta escória deste jeito, segundo a Polícia Federal, todos estes “neonazistas” serão localizados e responderão pelos seus crimes. Que bom! O Brasil de Norte a Sul agradece! E viva a democracia!
Fonte: http://www.conversaafiada.com.br/pig/2010/11/02/elite-redesenha-o-brasil-sp-e-sul-e-rio-e-mg-caem-para-o-nordeste/
http://limpinhocheiroso.blogspot.com/2010/11/31102010-o-dia-em-que-o-preconceito.html
http://kioshi.blogspot.com/2010/11/xenofobia-no-twitter-contra-nordestinos.html

Related Posts with Thumbnails
 
Copyright 2009 Professora Maluquinha Powered by Blogger
Blogger Templates created by Deluxe Templates
Wordpress by Ezwpthemes